Pitty passou no Recife levando os fãs ao delírio com SETEVIDAS

Em um show ensurdecedor a artista baiana traz pela primeira vez a turnê SETEVIDAS para o Recife, o álbum de mesmo nome foi lançado em julho de 2014. Para conferir o show os fãs tiveram alguns percalços.

O público enfrentou uma fila enorme pra entrar no Baile Perfumado nessa última sexta (14/08) e a longa espera na fila veio regada a chuva. Pra se molhar o mínimo possível as pessoas se espremeram embaixo da coberta da bilheteria, mas não desistiram.

Enquanto isso a banda pernambucana Bob Tayson, responsável por abrir o show de Pitty, começou sua apresentação para aqueles que já estavam na área interna do baile. O grupo que tem no vocal Júnior Ferreira trouxe músicas autorais, além de sucessos de Legião Urbana e muito Charlie Brown Jr, uma das principais influências da banda.

Mas é claro que atração principal da noite ainda estava por vir. Por volta de 00h, os integrantes da banda de Pitty entram no placo sem ela. Em seguida a baiana aparece no telão declamando um texto que faz várias referências ao número sete com as expressões: “pintar o sete”, “sete pecados capitais”, “como um gato que tem sete vidas”, “sete notas musicais”, etc. Com gritos eufóricos o público ergueu seus celulares para filmar a abertura do show.

Em seguida, Pitty invade o palco e começa cantando a música que intitula o álbum, “SETEVIDAS”. Daí em diante o público passa a ficar extasiado, há uma clara interação entre os fãs e a banda. Pitty é absoluta no palco e o público com todo carinho canta em coro cada uma das letras.

Os mais jovens tinham na ponta da língua as músicas do último álbum, mas não fizeram feio quando ao lado dos mais velhos cantaram os hits mais conhecidos da baiana, entre eles, “Equalize”, “Na Sua Estante” e “Admirável Chip Novo”.

E o show seguiu assim entre os novos e os antigos sucessos de Pitty que afirmou estar feliz por trazer SETEVIDAS ao Recife. O prazer da plateia podia ser claramente medido pelos gritos a cada música ou comentário que a baiana reverberava no microfone. A admiração dos fãs era ensurdecedora. O show chegou ao fim com “Serpente”, última faixa de SETEVIDAS, com direito a lindas cirandas que se formaram na plateia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui