Apple lança nova Apple TV e diz que o futuro da televisão está nos aplicativos

Nova Apple TV aposta em novo controle, aplicativos e jogos (Divulgação/Apple)
Nova Apple TV aposta em novo controle, aplicativos e jogos (Divulgação/Apple)

Em conferência para divulgação de seus novos produtos, a Apple anunciou nesta terça (09/09) a nova Apple TV. Mais cedo, a fabricante de dispositivos móveis mais poderosa do mundo divulgou o novo iPad Pro.

Para Tim Cook, presidente da Apple, o futuro da TV está nos aplicativos, já que nada revolucionário na maneira como se vê TV aconteceu nos últimos anos.

Dentre as novidades, a nova Apple TV ganha um novo sistema operacional chamado de tvOS, terá controle sensível ao toque e interação com voz através da assistente pessoal Siri (semelhante ao Google Now na Android TV). O controle da Apple TV também conta com a função de controle para jogos, quando virado ao contrário.

A Siri promete uma interação entre usuário e dispositivo sem a necessidade de um controle remoto. É possível buscar episódios específicos de seu programa favorito, avançar ou voltar o vídeo apenas com controles de voz, falando com a Siri.

A busca por programas, séries e filmes informa em quais serviços o produto está disponível. A ideia é útil pois, por exemplo, antes de comprar um filme em algum aplicativo, a Apple TV irá mostrar em quais serviços este filme estará disponível – evitando que você efetue a compra e depois descubra que ele está disponível no catálogo de sua assinatura do Netflix, por exemplo.

Controle sensível a toque melhora a usabilidade dos aplicativos de jogos (Divulgação/Apple)
Controle sensível a toque melhora a usabilidade dos aplicativos de jogos (Divulgação/Apple)

Com o controle adaptável para jogos e sensível ao toque, novos aplicativos de jogos chegam a Apple TV como o Guitar Hero e o Crossy Road. Outra novidade é que o controle contará com acelerômetro e giroscópio, sendo também sensível a movimentos, melhorando a usabilidade e a interação com os jogos.

O hardware da nova Apple TV conta com chip A8 (mesmo do iPhone 6) de 64bits, Wi-Fi 802.11ac e receptor infravermelho, bem como controle com Bluetooth 4.0, controle de volume e 3 meses de uso com apenas uma recarga da bateria. Os aplicativos, sob promessa da Apple, deverão ser universais – para celulares, tablets e TV.

A versão com 32gb custará US$150 e a versão com 64gb custará US$200 e serão vendidas no mercado americano a partir de outubro, sem previsão de disponibilidade e preços no Brasil.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui