Death Note: Light descobre o poder do caderno da morte em novo vídeo

Light encontra Ryuk e descobre o verdadeiro poder do caderno da morte em cena de Death Note exibida pela Netflix na SDCC 2017.

Leia também:

‘Projeto Gemini’ e ‘Morto Não Fala’ são as estreias da semana nos cinemas

As estreias desta semana nos cinemas trazem filmes para todos os gostos. "Projeto Gemini", o ousado filme do cineasta...

Cinema da UFPE é a nova opção para os cinéfilos pernambucanos

O Cinema da UFPE, nova sala de exibição no Recife, será inaugurado nesta quarta-feira (09). O evento acontece às...

Sem apoio de editais, Janela de Cinema recorre ao público para acontecer

Um dos maiores festivais de cinema de Pernambuco, o Janela Internacional de Cinema do Recife recorre neste ano ao...
Paulo Cavalcante
Paulo Cavalcantehttp://www.cafedeideias.com
Professor, atua na internet há mais de dez anos produzindo conteúdo sobre séries e cinema, aprecia a sétima arte e a dramaturgia para as diferentes telas.

Death Note (Reprodução/Netflix)
Death Note (Reprodução/Netflix)

A Netflix divulgou em seu painel na San Diego Comic-Con 2017 um novo vídeo da adaptação do mangá e anime japonês Death Note. A plataforma de streaming lança o filme original no dia 25 de agosto e segue divulgando a produção.

No vídeo inédito, vemos o encontro de Light com Ryuk. O jovem então descobre o poder do caderno da morte.

- Publicidade -

Assista:

Death Note acompanha um estudante do ensino médio que encontra um caderno sobrenatural e percebe que nele existe um grande poder: se o proprietário escrever o nome de alguém enquanto estiver pensando em seu rosto, a pessoa morrerá. Embriagado por sua nova habilidade divina, o jovem começa a matar aqueles que julga indignos a viver.

O filme original Netflix é dirigido por Adam Wingard (A Bruxa de Blair, O Hóspede) e é estrelado por Nat Wolff (Cidades de Papel), Margaret Qualley (The Leftovers), Lakeith Stanfield (Corra!), Paul Nakauchi (Piratas do Caribe: No Fim do Mundo), Shea Whigham (Trapaça) e Willem Dafoe (Homem-Aranha), como a voz de Ryuk.

Death Note, de Tsugumi Oba e Takeshi Obata, foi publicado no Japão pela Shonen Jump entre 2003 e 2006, o que gerou depois 12 volumes encadernados. No Brasil, a publicação foi lançada pela editora JBC. O mangá também originou um anime de 37 episódios, que estão disponíveis na Netflix.

Acompanhe no Café de Ideias a cobertura completa da San Diego Comic-Con 2017 – pelo nosso siteFacebookTwitter e Instagram.

- Publicidade -
- Relacionados -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Publicidade -

Últimos destaques:

Azougue Nazaré | Crítica

Uma terra com uma vasta variedade de culturas que culminam em diferentes religiões, o Brasil vem perdendo suas raízes...

As Panteras | Crítica

Hollywood fez mais uma vítima na sua não tão nova moda de reciclar franquias - a saudosa série As Panteras ("Charlie's Angels") ganhou uma...

Ford vs Ferrari | Crítica

A principal lição que se pode tirar do novo filme de James Mangold, é que não há nada que não fique 100% melhor com a...

Dora e a Cidade Perdida | Crítica

  A adaptação do desenho interativo Dora, a Aventureira, exibido no começo dos anos 2000 pelo canal Nickelodeon poderia ter seguido um caminho bem diferente e...

O Exterminador do Futuro: Destino Sombrio | Crítica

Apostar em mais um capítulo da franquia Exterminador do Futuro é uma atividade que tem se mostrado perigosa nos últimos anos, que o diga Emilia Clarke...
- Filmes recomendados -


More Articles Like This

- Publicidade -