Início Cinema Nada a Perder: filme sobre Edir Macedo tem ingressos esgotados, mas salas...

Nada a Perder: filme sobre Edir Macedo tem ingressos esgotados, mas salas vazias

Filme sobre a vida do Bispo Edir Macedo, fundador da Igreja Universal e proprietário da Record TV, tem salas vazias nas sessões de estreia.

Nada a Perder (Divulgação/Paris Filmes)
Nada a Perder (Divulgação/Paris Filmes)

Estreou na última quinta-feira (29) o filme nacional Nada a Perder, cinebiografia do bispo Edir Macedo, fundador da Igreja Universal do Reino de Deus e proprietário da Record TV. Embora note-se que as sessões nas principais redes de cinema do país estejam com ingressos esgotados – foram vendidos 4 milhões somente na pré-venda -, a realidade é outra para quem entra nas salas e as encontra quase vazias.

Segundo o Estadão, em São Paulo, por exemplo, a sessão das 18h na sala 7 do Espaço Itaú de Cinema da Pompeia, no Shopping Bourbon, tinha apenas a primeira fila disponível para compra – todo o resto da sala estava lotado. Mas ao entrar na sala durante o filme, a reportagem notou que quase metade das poltronas estavam vazias. O mesmo aconteceu no Cinemark do Central Plaza Shopping, onde apenas 10% dos ingressos para uma sessão noturna estava disponível, mas após o início do filme mais da metade da sala estava vazia.

No Rio de Janeiro a situação se repete. A reportagem do O Globo visitou no dia da estreia o Espaço Itaú de Cinema e o Cinemark da cidade de Botafogo e encontrou as salas vazias durante a exibição dos filmes, mesmo com os ingressos quase esgotados. Ainda segundo o jornal, espectadores entrevistados na ocasião afirmaram que a Igreja Universal está distribuindo ingressos para os fiéis nos cultos.

Em resposta, a Igreja Universal nega as afirmações da imprensa e informa que há apenas uma mobilização da comunidade para levar o máximo possível de pessoas para assistirem ao filme.

O fato se repete novamente após o lançamento de “Os Dez Mandamentos”, versão editada para os cinemas da novela homônima da Record TV. Na ocasião, os ingressos esgotavam mas as sessões eram pouco ocupadas, quase vazias.

- Publicidade -
Paulo Cavalcante
Paulo Cavalcantehttp://www.cafedeideias.com
Professor, atua na internet há mais de dez anos produzindo conteúdo sobre séries e cinema, aprecia a sétima arte e a dramaturgia para as diferentes telas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Últimas do site



Mais lidas