Início Listas 10 dicas cruciais para desvendar o final do filme 'Buscando...'

10 dicas cruciais para desvendar o final do filme ‘Buscando…’

Antes de chegar ao final do filme, várias dicas foram jogadas, mas você pode ter deixado passar despercebido.

Buscando... (Divulgação/Sony Pictures)
Buscando… (Divulgação/Sony Pictures)

Estrelado por John Cho e Debra Messing, Buscando… é um dos thrillers mais empolgantes que você verá este ano nos cinemas. O filme foi produzido pelo cineasta Aneesh Chaganty como uma espécie de Hitchcock traduzido em uma interface tecnológica envolvendo computador, dispositivos móveis, programas e aplicativos.

No filme, David Kim, um angustiado pai viúvo, inicia uma investigação para descobrir o que aconteceu com sua filha desaparecida de 16 anos, Margot. Enquanto trabalha em suas próprias teorias, ele recebe ajuda de seu irmão Peter e da Detective Rosemary Vick.

Qualquer um que tenha chegado ao fim de ‘Buscando…‘ certamente apreciará as reviravoltas e as pistas que os cineastas usaram para criar suspense e uma narrativa lógica, respectivamente.

Mesmo assim, até mesmo os mais espertos detetives da internet podem ter deixado passar algumas das pistas escondidas em busca de uma revelação chocante do que acontece com Margot. Se você tiver sentido falta de alguma, reunimos as dicas mais importantes espalhadas por todo o filme.

Atenção: os itens a seguir contém spoilers para quem ainda não assistiu o filme “Buscando…”.

Mensagem na capa do Facebook da detetive

No início de “Buscando…”, David vai até o Facebook da detetive Rosemary para conhecer a mulher que está por trás das buscas por sua filha. Na foto de capa da rede social há uma citação de Agatha Christie sobre uma mãe fazer tudo o que pode para seu filho.

Foto reveladora em site de notícias

Ainda quando David procura informações sobre a detetive, ele encontra um monte de artigos de notícias elogiando Rosemary quanto a seus projetos de serviço comunitário. Em um dos artigos em que ele clica, a detetive está posando com ex-presidiários para a cobertura de um projeto de extensão policial. A principal pessoa com quem ela posa não é outro senão o homem que, em um vídeo ao vivo, confessa falsamente matar Margot antes de tirar sua própria vida.

Conversa enigmática

Em um papo com David, Rosemary diz que os pais podem não conhecer seus filhos e não é culpa deles se não o conhecem. Ela lembra que certa vez uma vizinha a confrontou dizendo que seu filho Robert havia pedido US$25 para uma instituição que a mãe estaria fundando. David pergunta a ela como ela lidou com a situação. Rosemary responde que ela fingiu que o que o filho havia dito era verdade, para protegê-lo da ira da vizinhança. Aqui, temos uma noção de como ela está disposta a mentir por seu filho. Além disso os valores são suspeitos – na história que ela conta, ele teria roubado 25 dólares, enquanto em outro momento da trama, Robert acaba recebendo US$2,5 mil de Margot.

Debra Messing e John Cho em cena de "Buscando..." (Divulgação/Sony Pictures)
Debra Messing e John Cho em cena de “Buscando…” (Divulgação/Sony Pictures)

Pergunta suspeita

David faz algumas investigações no Tumblr e nas contas do Instagram de Margot, descobrindo que o local favorito dela é o Lago Barbosa. Ele percebe que, depois de sair do posto de gasolina na noite em que desapareceu, ela seguiu para o lago. Perturbado, ele chama Rosemary, que pergunta se ele está indo para o lago – sendo que ela não deveria saber disso, porque ele não tinha dito nada sobre suas descobertas até então.

Tirando o pai da jogada

Em um certo momento da trama, Rosemary fala com David numa videochamada e seu filho entra no escritório, ao que ela diz ao garoto: “Querida, deixe-me cuidar disso”. Perturbada, ela diz a David para sair da investigação porque ele está muito envolvido com tudo e pode estar atrapalhando ao invés de ajudar. Seu filho Robert permanece no fundo com um olhar nervoso no rosto.

O nome na agenda de contatos

Na agenda de contatos do computador de Pam, vemos uma ficha para Robbie Abolt em “colegas de classe de Margot”. Pam descreve o garoto como alguém que “tem uma queda por Margot”. O diretor e roteirista do filme explicou que Abolt é o nome de casada da detetive Rosemary, mas nem precisávamos saber disso. É possível notar que Robbie é um apelido para Robert, o filho da detetive. Além disso, nas notas da agenda, há uma menção a profissão da mãe do garoto.

Buscando... (Divulgação/Sony Pictures)
Buscando… (Divulgação/Sony Pictures)

Cineasta das reviravoltas

Ainda quando David está acessando artigos de notícias na internet, um dos sites mostra uma chamada para um artigo que cita M. Night Shyamalan. Quem já assistiu a filmes do cineasta como “Sexto Sentido” e “Corpo Fechado” lembrará que ele gosta de deixar as grandes reviravoltas – ou “plot twists” – para o terceiro ato de seus filmes. O mesmo acontece em “Buscando…”.

As notícias eram pistas

Outro artigo que aparece quando David está navegando na internet fala de alguém que teria sobrevivido por oito dias em um ambiente selvagem, servindo como prenúncio do que estaria para acontecer com Margot.

Vítima de catfish

O nome de usuário falso de Robert no YouCast é “fish_n_chips”, que aponta para o tema óbvio do filme, catfishing. Robert finge ser alguém que não é para formar um relacionamento com Margot e em certo ponto, extorquir dinheiro dela.

Usando o apelido “fish_n_chips”, Robert deixa Margot saber que seu Pokémon favorito é o Kecleon, que muda sua cor de corpo para se misturar com o ambiente, como um camaleão. É mais ou menos o que um catfisher faz na internet.

Kecleon, personagem de Pokémon (Foto: Reprodução)
Kecleon, personagem de Pokémon (Foto: Reprodução)

Easter eggs

Dois easter eggs foram o nome da detetive Rosemary Vick e eles estão associados ao filme “O Bebê de Rosemary”, quanto a Rosemary dar à luz um bebê do mal; e ao policial corrupto Vick Mackey, da série “The Shield”. No desfecho do Buscando…, descobrimos que quem comete o crime em si é o filho de Rosemary e a detetive, sem dúvida, revela-se bastante estranha em termos de como lida com os erros de seu filho.

- Publicidade -
Paulo Cavalcante
Paulo Cavalcantehttp://www.cafedeideias.com
Professor, atua na internet há mais de dez anos produzindo conteúdo sobre séries e cinema, aprecia a sétima arte e a dramaturgia para as diferentes telas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Em alta