Rede Globo proíbe que elenco participe de séries da Netflix

Apenas atores que estão sem contrato com a emissora poderão trabalhar em produções do serviço de streaming.

Marco Pigossi deixou a Rede Globo para poder atuar em duas séries da Netflix (Reprodução/Instagram)
Marco Pigossi deixou a Rede Globo para poder atuar em duas séries da Netflix (Reprodução/Instagram)

Depois de Marco Pigossi deixar a Rede Globo para participar de duas séries da Netflix, a emissora resolveu fechar o cerco contra o serviço de streaming concorrente do Globoplay. Agora, todos os atores que tem contrato com a emissora estão proibidos de atuar em séries da plataforma americana.

Segundo o colunista Fernando Oliveira, da Folha de S. Paulo, a Rede Globo quer que seu elenco dê prioridade para as produções feitas para a TV e também para o Globoplay, que vem investindo na produção de séries exclusivas – ainda este ano, duas produções originais do Globoplay entram no catálogo, “Assédio” e “Ilha de Ferro”.

Recentemente, a Globo perdeu Marco Pigossi, um de seus principais galãs. Com a nova regra da emissora, apenas quem está sem contrato pode ir pra Netflix – foi o caso de Fernanda Vasconcellos e Maria Flor, que fora da TV, foram contratadas para o elenco da segunda temporada da série “3%”, do serviço de streaming.

A nova regra da Rede Globo também serviu de freio para alguns atores que estavam interessados na proposta da Netflix para participar de sua nova série brasileira, “O Escolhido”. Os até então interessados tiveram que recusar propostas que chegavam a valores de até R$ 350 mil por temporada para não perder a segurança do emprego na emissora.

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui