- Publicidade -

Kristen Bell se posiciona sobre protestos anti-racistas nos EUA e causa revolta na web

Entenda porque a atriz da série The Good Place e do filme Frozen, está sendo massacrada nas redes sociais.

Kristen Bell em cena da série The Good Place (foto: Reprodução/NBC)
Kristen Bell em cena da série The Good Place (foto: Reprodução/NBC)

- PUBLICIDADE -

Kristen Bell, estrela da série The Good Place, viu seu nome figurar entre os assuntos mais comentados do Twitter neste domingo (31). O fato acontece pouco depois da atriz se posicionar em suas redes sociais sobre os protestos anti-racistas que acontecem nos EUA após a morte de George Floyd e sair em defesa dos policiais.

Em seu Instagram, a atriz que empresta a voz para a Anna de “Frozen” aderiu ao movimento #IAmHumanFirst – “eu sou humano, primeiro”, em tradução literal. Kristen Bell publicou a hashtag junto com um texto que insinua que a mídia não tem contado “a história toda” sobre a realidade por trás dos protestos que tem tomado grande parte do território americano nos últimos dias.

- Advertisement -

A publicação textual acompanha uma foto que mostra protestantes negros fazendo uma espécie de barreira para supostamente proteger um policial branco que acabou se afastando do seu grupo.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

“Quero ver mais postagens mais como essa. Esta imagem é importante. Homens negros protegendo um policial branco que foi separado de seus outros oficiais. Essas imagens existem – temos a responsabilidade de contar a história toda”, escreveu Kristen Bell.

Veja:

View this post on Instagram

I want to see more Posts more like this. This image is important. Black men protecting one white cop who was separated from his other officers. These images exist- of people who do not want more violence, but want to protest because now is the time for change and the violence must stop. #Repost @pink #Repost @janelleginestra #Repost @kalynelionheart Things you won't see in the mainstream media: A cop who got separated from his team, was heavily outnumbered by violent protestors, and in serious danger, being protected by a group of black men who formed a chain around him and prevented any violence from occurring. The mainstream media won't show this because it doesn't fit their narrative. As soon as people realize they have been, and still are, fed a steady stream of brainwashing propaganda, we can all work together to fix the problems in this country. #IAMHUMANFIRST

A post shared by kristen bell (@kristenanniebell) on

Internautas “cancelam” Kristen Bell nas redes sociais

Na web, os internautas que acompanham os trabalhos de Kristen Bell “cancelaram” a atriz e fizeram comentários revoltados com o seu posicionamento. Muitos acusam a intérprete da Eleanor de The Good Place de estar do lado da polícia num momento que seria de se posicionar do lado da população afro-americana.

“Como se já não bastasse tudo de ruim ta acontecendo a kristen bell ta falando um monte de baboseira, parece que não aprendeu nada com a Eleanor”, escreveu um internauta no Twitter.

“Uma pessoa não pode ser posicionar desse jeito como a Kristen Bell fez, pega super mal. Parece que ela só preocupada com a polícia e não é a polícia que está sofrendo!! Enfim, espero que ela se dê conta disso logo e se corrija”, publicou outra internauta.

Atriz de The Good Place solta suposta indireta para Kristen Bell

No Twitter, a atriz Jammela Jammil, intérprete da Tahani em The Good Place, teria publicado uma indireta para a companheira de série.

“Todas as celebridades que falam sobre brutalidade policial, favorecendo a vasta minoria de interações de “bom policial” com negros neste banho de sangue dirigido por policiais… param de acusar a mídia de distorcer a narrativa quando esses vídeos da vida real existem na grande maioria. Droga”, publicou a atriz.

E completou: “Agora não é o momento para #nemtodosospoliciais, é o momento de servir a justiça aos policiais maus. A maioria ficou sem um tapa no pulso por sua conduta brutal em relação aos negros. Então podemos elogiar os bons policiais, que até agora pouco fizeram para enfrentar seus colegas maus”.

Confira as publicações:

Entenda os protestos anti-racistas nos EUA

Os protestos anti-racistas tiveram início nos EUA após a morte de George Floyd, homem negro de 46 anos que foi vítima de uma abordagem policial onde foi agredido por oficiais.

Algemado e sem mostrar resistência, Floyd foi deitado no chão e um policial pressionou o joelho sob o pescoço do rapaz por cerca de cinco minutos – a ação foi registrada por câmera de celulares e logo o vídeo se espalhou pelas redes sociais.

No vídeo é possível ver que George Floyd falou repetidas vezes que não conseguia respirar, mas o policial não cedeu e continuou pressionando o pescoço de Floyd com o joelho. George morreu a caminho do hospital, segundo informações da CNN.

O vídeo divulgado na internet com toda a abordagem policial causou revolta e deu início aos protestos que vem incendiando as ruas de várias cidades dos Estados Unidos.

Assista:

Confira a repercussão na web:


MAIS SOBRE KRISTEN BELL:

- PUBLICIDADE -
Paulo Cavalcante
Paulo Cavalcantehttp://www.cafedeideias.com
Professor, atua na internet há mais de dez anos produzindo conteúdo sobre séries e cinema, aprecia a sétima arte e a dramaturgia para as diferentes telas.
Leia mais em:

Conteúdo relacionado:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here